[ << ] [ >> ]           [Top] [Contents] [Índice] [ ? ]

1. Introdução


1.1 Sobre o Cinelerra

Por anos algumas pessoas desejaram uma forma de editar seu vídeo e áudio em um lugar que fosse tão fluido como os em que se escreve textos. Cinelerra tenta ser um local único para todas as suas necessidades que envolvam edição de vídeo e áudio. Toda a gravação, edição e exibição ("playback") pode ser feita aqui. O software também pode ser usado como um reprodutor de áudio. Ele pode ser usado para gravar áudio ou vídeo. Ele pode até ser usado para retocar fotos.

Existem dois tipos de pessoas que apreciam vídeos: produtores que querem criar novos conteúdos, voltando a seus conteúdos futuramente para um melhor refinamento, e consumidores, que querem adquirir o conteúdo e assisti-lo. O Cinelerra não visa consumidores. O Cinelerra possui vários recursos para conteúdo não-comprimido, processamento de alta resolução e composição, com muito poucos atalhos. Produtores precisam dessas funções devido à necessidade de retocar várias gerações de gravação com alterações no formato, o que torna o programa muito complexo. Consumidores devem considerar outras ferramentas, como Avidemux (http://www.avidemux.org/), Kino (http://kinodv.org/) ou Kdenlive (http://kdenlive.org/).

Citação do Wiki do Miro (http://www.mitvwiki.org/Cinelerra):
"A grande diferença entre o Cinelerra e vários outros editores comerciais é que o Cinelerra esconde muito menos do usuário, expondo muito mais de seus processos internos para dirigir a interação. Isso pode ser mais difícil de usar, mas torna-o tremendamente poderoso e, para algumas operações, extremamente rápido."


1.2 As duas versões do Cinelerra

Existem duas versões do Cinelerra. Uma pode ser encontrada no endereço http://www.heroinewarrior.com e a outra em http://cvs.cinelerra.org. Esta documentação está focada no Cinelerra-CV (Community Version).

O Cinelerra é desenvolvido de forma "upstream" por uma entidade a quem chamaremos de HV que é uma entidade que compartilha, mas que não é do tipo "comunidade". HV prefere trabalhar em sua própria cópia do Cinelerra por conta própria, lançando um novo código em uma base de seis em seis meses mais ou menos. Alguns desenvolvedores decidiram que seria interessante melhorá-la de uma forma comunitária, mas não queriam exatamente dividir ("fork") o desenvolvimento. Basicamente, mantemos uma cópia que é bastante similar à publicação oficial. Porém, aplicamos nossas correções de erros, correções de compilação ("compiler compliance fixes") e alguns melhoramentos ao SVN. Nós tentamos mandar os patches aos desenvolvedores oficiais. Assim, a versão do Cinelerra CV possui um número de características que a versão oficial não possui.

Em termos de estabilidade, ao contrário de outros programas, a publicação que o HV faz não pode ser descrita como uma publicação "estável". Após a versão do Cinelerra HV é lançada, normalmente há questões relacionadas a erros ("bugs") ou usabilidade. Além disso, nem todas as implementações do Cinelerra CV conseguem entrar na versão oficial (por exemplo, renderização para um pipe YUV). Desta forma, quando há um novo lançamento, um dos membros (j6t) funde ("merge") o código do HV com o do Cinelerra CV, pegando as melhorias do HV e re-arranjando o código para ser mais similar ao do HV (espaços em branco, nomenclatura de funções, nomenclatura de diretórios, leves mudanças nas implementações, etc). Após a fusão, a última versão do Cinelerra CV é possivelmente um pouco instável até que todas as questões do novo código HV adicionadas sejam reparadas, usuários encontrem erros e conforme o tempo permita corrigi-los. O Cinelerra CV pode ser visto como uma tentativa da comunidade de estabilizar a publicação do HV e também como um esforço de adicionar melhorias de uma forma comunitária onde podemos comentar as implementações de cada plug-in de cada um. De fato, a HV fica de olho no que fazemos e, eventualmente, diz algumas palavras aqui ou ali sobre nossas implementações.

Dada a discussão acima, pode-se dizer que obter o SVN logo antes de uma fundição entre os códigos ("merge") seja uma versão estável, mas você provavelmente encontrará problemas de arquivos de descrição de projetos não serem mais compatíveis. Além disso, a HV também acha erros que nós não havíamos encontrado. Em alguns casos, também corrige erros que havíamos apontado mas não conseguíamos corrigir. Assim, o que é "estável" torna-se realmente questionável e para você decidir, mas se você se mantiver conosco, provavelmente conseguirá se comunicar melhor com a gente do que com a HV.


1.3 Sobre este manual

Esta edição é a 1.55.pt_BR, válida para a versão 2.1 da versão do Cinelerra CV. Você pode redistribui-lo e/ou modificá-lo sob os termos da GNU General Public License, conforme publicada pela Free Software Foundation; tanto a versão 2 da Licença, quanto (à sua escolha) qualquer versão posterior.

Este manual se origina do "Secrets of Cinelerra", um excelente manual escrito por Adam WILLIAMS do HEROINE VIRTUAL LTD. Em 2003, Alex FERRER criou um Wiki baseado naquele manual e adicionou um monte de capturas de tela e novas informações. Naquela época, o Cinelerra CV ainda não tinha seu próprio manual e informações relacionadas à Versão da Comunidade do Cinelerra estavam jogadas pela internet (listas de discussão, IRC, sites, wiki, etc). Em 2006, Nicolas MAUFRAIS combinou o "Secrets of Cinelerra" original com o conteúdo do Wiki de Alex FERRER em um único documento.

Mantenedores da documentação do Cinelerra-CV:
Inglês: Nicolas MAUFRAIS (coordenador), Raffaella TRANIELLO (aprendiz de feiticeira)

Tradutores do manual: Francês: Jean-Luc COULON
Português do Brasil: Flavio SOARES (mantenedor), Willie MARCEL
Espanhol: Alberto RAMALLO, Gustavo Iñiguez GOYA (capítulo 17 - Quadros-chave)
Basco: Iñaki Larrañaga MURGOITIO "Dooteo".

Outros contribuintes para este manual são: Alexandre BOURGET, Kevin BROSIUS, Carlos DAVILA, Cillian DE ROISTE, Rafael DINIZ, Pierre DUMUID, Mike EDWARDS, Martin ELLISON, Graham EVANS, Alex FERRER, Scott FRASE, Joe FRIEDRICHSEN, gour, Gus Gus, Terje HANSSEN, Mikko HUHTALA, Ben JORDEN, Nathan KIDD, Marcin KOSTUR, Joseph L., David MCNAB, Valentina MESSERI, Sean PAPPALARDO, Paolo RAMPINO, Herman ROBAK, Dana ROGERS, Jim SCOTT, Andraz TORI, Raffaella TRANIELLO, Hermann VOSSELER, Norval WATSON.

Agradecemos à equipe do projeto GNU, e particularmente a Karl BERRY, maintenedor do GNU Texinfo, pela preciosa ajuda que nos deu durante a elaboração deste manual.

Os fontes deste manual são arquivos Texinfo. Eles estão no mesmo repositório SVN que o código-fonte do Cinelerra (pasta hvirtual/doc). Eles podem ser convertidos em vários formatos. O arquivo doc/README_en contém instruções para transformá-lo em PDF, HTML (página única), HTML (uma página por capítulo, em uma pasta), TXT simples, TXT em sintaxe DokuWiki (um arquivo por capítulo, em uma pasta), Docbook.

Você pode participar editando este manual fazendo modificações no wiki do Cinelerra-CV wiki:
http://cvs.cinelerra.org/docs/wiki/doku.php

Se você gostaria de traduzir este manual para sua língua, veja o arquivo doc/TRANSLATIONS e contate a Comunidade do Cinelerra CV.

Para conseguir as fontes do manual, instale o cogito e o git-core em seu computador em rode:
cg-clone git://scm.pipapo.org/cinelerra-nicolasm


1.4 Buscando ajuda

Você pode conseguir ajuda em:

See section Reportando erros, caso você queira preencher um reporte de erros.


1.5 Tutoriais

Alguns tutoriais do Cinelerra disponíveis na internet:


1.6 Como fazer (HOWTOs)

Alguns HOWTOs para usos específicos estão disponíveis na internet:


1.7 Links diversos

Links diversos:


[ << ] [ >> ]           [Top] [Contents] [Índice] [ ? ]

This document was generated by Raffaella Traniello on Maio, 30 2008 using texi2html 1.76.